Por que é costume dar cachaça ao santo?

      Qualquer um que já tenha tomado cachaça com os amigos já reparou que existem certos costumes e “rituais” que as pessoas adotam ao tomar a sua branquinha. Um deles, talvez o principal, é a famosa oferenda ao santo que se despeja no chão antes de dar o primeiro gole. E esse, amigos, é um costume mais antigo do que se possa imaginar.
Os antigos gregos e romanos realizavam um ritual chamado Libação. Eles jogavam doses de suas bebidas ao chão como um gesto de oferenda para os deuses, para que estes provessem seus lares de felicidade, harmonia e fartura. A prática criou raízes por toda a Europa e chegou a Portugal. Os portugueses, por sua vez, a trouxeram para o Brasil à época da colonização, tão logo se iniciou o processo de produção de açúcar e, posteriormente, da cachaça.
Para combater o frio dos canaviais no inverno e estimular a produtividade, o consumo da cachaça era imposto aos escravos. Foi imposto também São Benedito, filho de um escravo, como o novo padroeiro da aguardente, o que ampliou a relação dos negros com a bebida através de costumes religiosos, surgindo até as primeiras irmandades na Bahia. Além da religião católica, a cachaça também passou a ser usada em oferendas nas religiões de origem africana, principalmente o Candomblé, com o tradicional intuito de fazer a oferenda aos deuses.
Toda essa identidade cultural e religiosa gerou um poderoso folclore em torno da bebida. Os costumes permaneceram até os dias de hoje, se não de forma ritualística, ao menos de brincadeira. Os bebedores proferem ótimas e, por vezes, engraçadíssimas orações, fazem cara feia após dar seu gole e criam inúmeros apelidos para sua bebida. E você? Tem algum “ritual” antes ou depois de tomar sua cachaça? Conte sua história e saúde!
Fonte: http://migre.me/8rsBC

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Por que é costume dar cachaça ao santo?

  1. Gabriel disse:

    Nas regiões das Minas Gerais em São João del-Rei é comum tormamos a “uma pra dois”, é uma maneira de dividir uma dose com um amigo, nos bares essa dose é mais “caprichada” em virtude de atender a dois clientes ao inves de um, então depois de um dos bebedores tomar metade da dose o outro acabar de “matar” tomando a outra metade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s